HERICIUM ERINACEUS (JUBA-DE-LEÃO)

PARÂMETROS DE CULTIVO 

 

Colonização

Temperatura: 21-24ºC

Umidade relativa: 95-100%

Duração: 10 a 14 dias

CO²: >40000ppm

Trocas de ar: 0

Iluminação: não

Indução da frutificação

Temperatura: 10-16ºC

Umidade relativa: 95-100%

Duração: 3 a 5 dias

CO²: 1000-2000ppm

Trocas de ar: 5-8 por hora

Iluminação: 500-1000 lux 

Desenvolvimento dos cogumelos

Temperatura: 18-25ºC

Umidade relativa: 90-95%

Duração: 4 a 5 dias

CO²: 500-1000ppm

Trocas de ar: 5-8 por hora

Iluminação: 500-1000 lux 

O juba-de-leão é um cogumelo comestível que ocorre na América do Norte, Europa e Ásia. Algumas pesquisas científicas mostraram que esse cogumelo possui substâncias que ajudam no alívio de diversas doenças como gastrite, úlceras, inflamações e tumores no sistema digestório e no esôfago, depressão, ansiedade, melhora da cognição (nootrópico), aterosclerose, doenças neurodegenerativas em geral, etc. Esses efeitos ocorrem devido a presença de polissacarídeos e polipeptídeos que auxiliam o sistema imunológico. Alguns estudos no Japão apontaram que a erinacina, substância presente nesse cogumelo, estimula a produção de NGF (Nerve growth factor), em português "fator de crescimento nervoso". Essa substância é muito importante na regeneração e manutenção dos neurônios durante a vida adulta, fazendo o Hericium erinaceus um ótimo alimento para compor a dieta de quem tem doenças nervosas como Alzheimer, por exemplo. 

Método de cultivo: O cultivo é feito em blocos de serragem suplementada esterilizada. O método tradicional de produção de semente, utilizando pedaços de ágar colonizado, é considerado mais lento que as técnicas de inoculação usando cultura líquida nessa espécie. Para produzir semente de Hericium erinaceus o mais aconselhado é inoculação em trigo esterilizado via cultura líquida. Depois que o bloco de serragem está 100% colonizado, um furo deve ser feito com uma agulha de crochê, local por onde o cogumelo irá se desenvolver. Para colher basta torcer o cogumelo, e o ponto correto de colheita se dá quando as bordas do cogumelo começam a amarelas, sinalizando que as células pararam de crescer. Esse fungo é extremamente sensível a luz, e começa a frutificar ao menor sinal de claridade (incluindo na placa de petri com meio de cultivo, semente, composto). 

Sabor, preparo e cozimento: Possui um sabor que lembra berinjela com lagosta, podendo ser refogado com cebola, alho e manteiga. Alguns cozinheiros dizem que quando bem temperado pode substituir algumas carnes, como lagosta.